Repositório Institucional POSITIVO Universidade Positivo Dissertação Programa de Pós-Graduação em Gestão Ambiental
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/jspui/handle/123456789/1841
Tipo: Dissertação
Título: Contribuições da educação ubíqua para a sustentabilidade: construindo uma educação universalizante e sustentável
Autor(es): Brustolin, Gian Carlo
Primeiro Orientador: Carvalho Filho, Marco Aurélio da Silva
Resumo: A percepção humana do mundo, a partir do o advento da computação, mudou radicalmente, mas a pervasividade da informação, consequência da evolução computacional, aparentemente, resultará em uma nova disrupção social catalisada pelos jovens. Esta mudança reflete-se nas expectativas dos educandos por pedagogias inovadoras. Grandes infraestruturas escolares com dezenas de salas de aulas e bibliotecas abarrotadas de publicações bem como as tradicionais barreiras socioeconômicas de acesso a conteúdos de qualidade podem estar em vias de extinção. Este movimento de digitalização, crescente não apenas na educação, como nas demais atividades humanas, embora inexorável, não é um bem em si, há riscos importantes envolvidos. Este estudo identifica quais ações tomadas, durante este processo de evolução da tecnologia inserida na educação, conduzem à relação mais positiva para o meio ambiente, à sociedade e à economia. Pesquisa bibliográfica, em publicações multidisciplinares, que incluíram ciências ambientais, jurídicas, biológicas e engenharia, foi o método escolhido para subsidiar a proposição de ações de mitigação em direção a sustentabilidade da educação ubíqua. Na dimensão socioeconômica da sustentabilidade foram identificados riscos ligados a relação do jovem com a tecnologia e a divisão digital, que potencializa as diferenças econômicas no afã de elimina-las. No aspecto ambiental, a pesquisa indicou que reuso de computadores, sob determinadas condições de contorno, e aquisição de equipamentos de baixo consumo, operados por aplicações mais simples e projetados de forma a considerar facilidades de manutenção podem reduzir em até 76% os impactos ambientais em relação as alternativas tradicionais de equipamentos para acesso a conteúdos ubíquos. Sequente avaliação empírica destas duas alternativas sustentáveis demonstrou sua operacionalidade e satisfação dos usuários.
Abstract: The human perception of the world, after computers, has changed radically, but the pervasiveness of information, a consequence of computational evolution, probably, will result in a new social disruption catalyzed by teenagers. Today´s young learners’ expectations for innovative pedagogies is a possible result of this change. Large school infrastructures with dozens of classrooms and libraries crammed with publications as well as traditional socioeconomic barriers to high quality courses may be on the verge of extinction. This digitization movement, not only in education, but also in all other human activities, is not good by itself. There are important risks involved. This study identifies actions that lead to a more socioeconomically positive relationship with the environment at the education of the future. Literature review using multidisciplinary publications, including environmental, legal, biological and engineering sciences, was the method used to reach a sustainable ubiquitous education. In the socioeconomic dimension of sustainability, this research identified potential risks connected to the students-technology relationship. Enforcement of digital division during the differences elimination process is another possible risk. The research also indicated that old computers reuse, under certain conditions, and acquisition of low power consumption equipment, operated by simpler operational systems and designed to consider maintenance facilities can reduce environmental impacts by up to 76%. An empirical evaluation of these two sustainable alternatives demonstrated its operability and user satisfaction. Key
Palavras-chave: Gestão ambiental
Computadores e civilização
Estratégias de aprendizagem
Tecnologia da informação - Aspectos ambientais
Sustentabilidade
CNPq: CNPQ::CIENCIAS BIOLOGICAS
CNPQ::ENGENHARIAS::ENGENHARIA SANITARIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Universidade Positivo
Sigla da Instituição: UP
Departamento: Pós-Graduação
Programa: Programa de Pós-Graduação em Gestão Ambiental
Citação: BRUSTOLIN, Gian Carlo. Contribuições da educação ubíqua para a sustentabilidade: construindo uma educação universalizante e sustentável. Orientador: Marco Aurélio da Silva Carvalho Filho. 2018. 148 f. Dissertação (Mestrado em Gestão Ambiental) – Universidade Positivo, Curitiba, 2018.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.cruzeirodosul.edu.br/handle/123456789/1841
Data do documento: 2018
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Gestão Ambiental

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Gian Carlo Brustolin.pdfDissertação1.93 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.